<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=1659995760901982&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

São Paulo institui Fórum para aplicar o Protocolo de Kyoto

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), institui nesta terça-feira, por decreto, o Fórum Paulista de Mudanças Climáticas Globais e de Biodiversidade, cujo principal objetivo é conscientizar e mobilizar a sociedade paulista para a discussão e tomada de posição sobre as mudanças climáticas globais. O Fórum foi instituído em cerimônia realizada no Horto Florestal e contou com a presença de especialistas em meio ambiente, cientistas, secretários de Estado, do governador, do prefeito da Capital, José Serra (PSDB), e do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, entre outros.De acordo com o governador, São Paulo sai na frente nas ações para colocar em prática no País, as medidas previstas no Protocolo de Kyoto. O evento programado pelo governo de São Paulo acontece um dia antes da entrada em vigor do Protocolo de Kyoto, acordo internacional que prevê a redução em 5,2% dos gases emitidos pelos países industrializados, entre 2008 a 2012, comparado a 1990.Além da criação de mecanismos institucionais para discutir e propor medidas a esse respeito, o decreto instituído hoje pelo governador Geraldo Alckmin também estabelece o estímulo à implantação no Estado de projetos que utilizem o Mecanismo de Desenvolvimento Limpo (MDL). Segundo o texto, entre os objetivos do Fórum Paulista de Mudanças Climáticas Globais e de Biodiversidade, estão a criação de mecanismos regulatórios, o apoio a projetos que utilizem o mecanismo MDL e o auxílio à exportação de créditos de carbono decorrentes do protocolo de Kyoto.Em entrevista coletiva concedida durante o evento, Alckmin citou, como exemplo, as seguintes ações que o estado já vem implantando neste setor: estímulo à produção de álcool (expansão de 50% até 2009); produção de 400 MW de energia por usinas de cana-de-açúcar; recuperação da área da Mata Atlântica e programa de recuperação de 10 mil hectares de matas ciliares (absorção de 1 milhão de toneladas de carbono em 20 anos).

Agencia Estado,

15 de fevereiro de 2005 | 23h09

Selecione uma opção abaixo para continuar lendo a notícia:
Já é assinante Estadão? Entrar
ou
Não é assinante?
Escolha o melhor plano para você:
Sem compromisso, cancele quando quiser
Digital Básica
R$
0, 99
/ mês
No primeiro mês
R$ 9,90/mês a partir do segundo mês
  • Portal Estadão.
  • Aplicativo sem propaganda.
Digital Completa
R$
1, 90
/ mês
No primeiro mês
R$ 19,90/mês a partir do segundo mês
Benefícios Digital Básica +
  • Acervo Estadão 146 anos de história.
  • Réplica digital do jornal impresso.
Impresso + Digital
R$
22, 90
/ mês
No primeiro ano
R$ 56,90/mês a partir do segundo ano
Benefícios Digital Completa +
  • Jornal impresso aos finais de semana.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.