Satélite indiano faz 1ª imagem de dentro de cratera lunar

Radar sonda o fundo de crateras que nunca recebem luz solar e que poderiam conter água congelada

da Redação,

19 de janeiro de 2009 | 15h48

Um equipamento da Nasa, montado na sonda lunar indiana Chandrayaan-1, fez as primeiras imagens do interior de algumas das crateras mais frias e escuras da Lua.   O instrumento Mini-SAR, um radar, enviou para a Terra seus primeiros resultados. As imagens mostram o piso de crateras polares cujas profundezas estão perpetuamente na sombra. Cientistas estão usando o radar para procurar água no interior dessas crateras.   As imagens, feitas em 17 de novembro, cobrem parte da cratera de Haworth, no polo sul da Lua, e a borda da cratera de Seares, perto do polo norte. Áreas brilhantes nas imagens podem representar tanto irregularidades na superfície quanto encostas apontando diretamente na direção do satélite.   "Ao longo dos próximos meses, esperamos ter um instrumento totalmente calibrado e operacional, recolhendo dados científicos preciosos da Lua", disse o executivo Jason Crusan, do Diretório de Missões da Nasa em Washington, em nota distribuída pela agência espacial.

Tudo o que sabemos sobre:
luanasaíndiaChandrayaan

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.