Satélite para medir campo gravitacional da Terra é adiado

ESA lançara Goce com atraso para resolver 'anolamia' em um de seus subsistemas de navegação

Efe

08 de setembro de 2008 | 19h26

O lançamento do satélite europeu Goce, previsto para quarta-feira, 10, será adiado para dia 5 de outubro devido a uma "anomalia" identificada em uma de suas unidades de navegação, informou nesta segunda-feira, 8, a Agência Espacial Européia (ESA). O satélite será colocado em órbita às 11h21 a partir da base de Plesetsk, no norte da Rússia, e sua missão não será afetada pelo atraso, indicou nesta segunda-feira, 8, o comunicado da ESA. O Goce (Explorador de Gravidade e da Circulação dos Oceanos), destinado a medir a gravidade terrestre e realizar estudos sobre o clima, os mares e a estrutura interna do planeta, foi criado por um conjunto de empresas européias.  A correção do problema requer substituir o aparelho danificado, um subsistema de navegação da fase superior do satélite chamado Breeze KM).

Tudo o que sabemos sobre:
GoceESA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.