SpaceShipOne dá susto em vôo de competição

O SpaceShipOne, primeira aeronave espacial particular, completou com êxito seu võo a 100 km de altitude nesta quarta-feira. Mas houve um momento de tensão, logo depois que o aparelho se despreendeu do avião White Knight e iniciou a ignição do foguete e a subida.A aeronave girou sobre si mesma por cerca de 20 vezes até que o piloto-astronauta Mike Melville, de 63 anos, conseguisse colocá-la na posição planejada.A decolagem foi num aeroporto no Deserto do Mojave, na Califórnia, às 7h12 (12h12 de Brasília), com o White Knight levando o SpaceShipOne até uma altitude de 15 km. Em seguida, Melville conduziu a aeronave até a marca dos 102.870 metros de altitude, na faixa-limite entre a atmosfera e o espaço. O pouso ocorreu às 8h33 (13h33 de Brasília).Este foi o primeiro de dois vôos do SpaceShipOne com os quais seus proprietários esperam ganhar um prêmio de US$ 10 milhões. O prêmio Ansari X foi condedido pela família Ansari, de Dallas, para recompensar os pioneiros do primeiro veículo para três pessoas que alcançar 100 km de altitude duasvezes em duas semanas.Em junho passado, o SpaceShipOne se tornou o primeiro veículo privado e tripulado a chegar ao espaço. A nave foi planejada por Burt Rutan e construída com uma contribuição de mais de US$ 20 milhões do co-fundador da Microsoft, Paul Allen.O SpaceShipOne é uma das várias naves que competem pelo Ansari X.Nota do editor: Este texto foi alterado em 30/09/04 para inclusão da altitude exata atingida pela aeronave.

Agencia Estado,

29 de setembro de 2004 | 13h46

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.