Telescópio faz imagem de jatos emitidos por buraco negro

Centaurus A é a galáxia gigante mais próxima de nós, localizada a 13 milhões de anos-luz e tem núcleo ativo

da Redação,

28 de janeiro de 2009 | 17h52

Astrônomos conseguiram novas informações sobre a galáxia ativa Centaurus A, graças a imagens dos jatos de gás emitidos pelo buraco negro central da estrutura feitas pelo telescópio  Atacama Pathfinder Experiment, ou Apex, baseado no Chile e administrado pela Organização Europeia de Pesquisa Astronômica, a ESO.   Imagem revela o brilho das ondas de rádio emitidas a partir dos jatos de Centaurus A. ESO   Centaurus A é a galáxia gigante mais próxima de nós, localizada a 13 milhões de anos-luz, na constelação do Centauro. Trata-se de uma galáxia elíptica que está em processo de fusão com uma galáxia espiral, o que gera áreas de intensa formação de estrelas. Centaurus A abriga uma região central extremamente quente e luminosa, condições produzidas pela presença de um buraco negro supermassivo.   Na imagem do Apex, é possível ver o anel de poeira que circunda a galáxia e os jatos ejetados do núcleo galáctico, que emitem ondas de rádio.   na faixa de onda captada pelo telescópio, é possível ver não só o brilho gerado pelo calor do núcleo, mas também - e pela primeira vez - a emissão da fonte de ondas de rádio central e as projeções, que também, emitem rádio, ao norte e ao sul do disco.

Tudo o que sabemos sobre:
centaurus aesoastronomia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.