Tiranossauros cresciam rápido e morriam jovens

O Tyrannosaurus rex apresentava um crescimento explosivo dos 14 aos 18 anos, ganhando cerca de 2,5 kg por dia. Ele parava de crescer perto de 20 anos e costumava morrer aos 30. Foi o ?James Dean? dos dinossauros ? viveu rápido e morreu jovem?, disse Gregory Erickson, da universidade da Flórida, um dos cientistas que apresentaram o estudo sobre o réptil.A dúvida sobre a forma de crescimento dos dinossauros foi parcialmente resolvida. Não se sabia se esses répteis cresciam lentamente por um longo tempo, como antigos crocodilos, ou rapidamente em um curto período. Mas o assunto precisa ser estudado separadamente para as várias espécies de dinossauro, disse o cientista.O tiranossauro foi um dos maiores dinossauros carnívoros. Eles desapareceram há 65 milhões de anos. Como um elefante de seis toneladas, o tiranossauro media de 12 a 13,5 metros da cabeça ao rabo e chegava a ter quase 4 metros de altura. ?O T. rex é um dos dinossauros que podem comer um ser humano em provavelmente duas bocadas?, disse Thomas Holtz Jr, da universidade de Maryland.Holtz disse que a criatura se tornava tão grande depois dos 12 anos que provavelmente não podia mais ser tão veloz quanto antes. Talvez ele parasse de correr atrás de presas e passasse a procurar sua comida em tocaias ou revirando o solo a procura de carniça.O estudo abre as portas para esclarecer outras questões, mas não deixa clara uma velha dúvida: se o T. rex é prioritariamente um predador ou um carniceiro.A pesquisa foi feito pela análise de mais de 60 ossos de 20 espécies de T. rex e três primos na escala de evolução. Uma das espécies usadas no estudo foi Sue, o esqueleto do tiranossauro exposto no Museu de Chicago.Erickson disse que os ossos mostraram que Sue parou de crescer por volta de 18 ou 20 anos de idade e viveu até os 28.

Agencia Estado,

11 de agosto de 2004 | 12h55

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.