Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Tsunami causou mais prejuízo em locais devastados

As áreas com danos ambientais maiores sofreram mais com o tsunami, revelou um relatório divulgado nesta terça-feira na reunião do Conselho de Governo do Programa da ONU para o Meio Ambiente (Pnuma). O estudo alerta que é importante levar isto em conta na hora de reconstruir os países devastados pelo maremoto.De acordo com o relatório, grande parte dos parques de Yala e Buldala foram preservadas porque a vegetação litoral e as dunas pararam totalmente o tsunami. Já no caso da Somália, a devastação foi muito maior. O maremoto atingiu 650 quilômetros de litoral porque, de acordo com o relatório, os mangues tinham sido cortados para usar a lenha ou como material de construção.Segundo a agência EFE, o relatório "Depois do Tsunami" afirma que há muito o que se aprender para a reconstrução dos países atingidos pelo maremoto. O documento atenta para a importância do reflorestamento do litoral para que as árvores sirvam de barreiras para os futuros maremotos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.