Usina que vazou melaço no Rio Pardo é multada em R$ 10 mi

O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), anunciou hoje que a Usina da Pedra, em Serrana, na região de Ribeirão Preto, foi multada em R$ 10 milhões pelo derramamento de melaço no Rio Pardo, no último dia 29, causando a mortandade de mais de 50 toneladas de peixes. O acidente foi apontado pela Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental (Cetesb) como o maior já ocorrido em um rio no Estado de São Paulo nas últimas duas décadas. O tanque, com 8 milhões de toneladas de melaço, rompeu-se e o subproduto do refino do açúcar atingiu o rio. As informações são do site Cosmo.

Agencia Estado,

15 de outubro de 2003 | 19h33

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.