Vacas parecem ter uma bússola interna, diz estudo

Gado que estava pastando ou descansando tinha a tendência de alinhar seus corpos em uma direção norte-sul

AP

25 de agosto de 2008 | 17h55

De alguma maneira, o gado parece saber como achar o norte e o sul, dizem pesquisadores que estudaram fotos de satélite de milhares de vacas ao redor do mundo.  A maior parte do gado que estava pastando ou descansando tinha a tendência de alinhar seus corpos em uma direção norte-sul, disse a equipe de pesquisadores da Alemanha e do Casaquistão em um artigo publicado nesta segunda-feira, 25, na revista Proceedings of the National Academy of Sciences. E o resultado não sofreu nenhuma alteração, independentemente do continente em que se encontravam os animais, mostra o estudo liderado por Hynek Burda e Sabine Begall, da faculdade de biologia da Universidade de Duisburg-Essen na Alemanha.  "O campo magnético da Terra deve ser considerado como um fator", disseram os cientistas. Eles pretendem entender como e por que os animais se alinham nesse eixo, disse Begall.  "Claro que, depois disso, nos perguntamos se os humanos apresentam o mesmo comportamento espontâneo", disse ela, acrescentando que "tal comportamento pode ter conseqüências para sua saúde." O estudo levou Tina Hinchley, que cuida de uma fazenda de laticínios com seu marido em Wisconsin, a olhar a foto tirada por um satélite de sua fazenda de maneira diferente. "As vacas estavam por todo lado e cerca de dois terços delas estavam posicionadas no eixo norte-sul." No estudo, de 60% a 70% do gado estava orientado dessa maneira, o que Begall disse ser "um desvio bastante alto da distribuição aleatória." Hinchley ressaltou que um motivo pode ser o conforto. "Elas não gostam de sentir calor. Se ficar nessa posição pode ajudá-las a se sentirem menos quentes, elas ficariam assim." No entanto, os pesquisadores disseram ter eliminado questões climáticas, como a busca do vento ou do sol, no estudo, baseando-se em sombras.  Kenneth J. Lohmann, da Universidade da Carolina do Norte, alertou que, apesar de interessante, estudo é inteiramente baseado em correlações e que serão necessárias manipulações em laboratório para comprovar a tese de alguma forma.

Tudo o que sabemos sobre:
ciênciagado

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.