AP
AP

Vulcão na Nicarágua expeliu gases e cinzas por 49 vezes em dez dias

Coluna de gases e cinzas registrada nesta quarta-feira atingiu uma altura de 600 metros

Efe

18 Março 2010 | 08h44

Um total de 49 explosões de gases e cinzas foi registrado no vulcão de Concepción, na Nicarágua, desde o início de um período de atividades, há dez dias.

 

Segundo o Instituto Nicaraguense de Estudos Territoriais (Ineter), uma coluna de gases e cinzas registrada às 12h locais (15h em Brasília) na quarta-feira, 17, atingiu uma altura de 600 metros, enquanto as demais não passaram de 100 metros.

 

O Ineter indicou que a atividade do vulcão, de 1.610 metros, afetou hoje as comunidades de Moyogalpa e Los Angeles, na Ilha de Ometepe, sudeste do país, onde está o vulcão.

 

"Observamos que o movimento constante dos gases do vulcão segue aumentando. O mesmo se observou com as exalações de gases, que se mantiveram constantes", explica o Instituto.

 

Nesta quinta-feira será instalado um posto de vigilância permanente na ilha de Ometepe, além de uma estação sísmica que vai monitorar a situação e continuar a aferir os gases.

 

Autoridades da Defesa Civil e do Exército da Nicarágua indicaram que foi preparado um plano de evacuação da ilha de Ometepe, com 276 quilômetros quadrados e 37 mil habitantes.

 

O plano foi fechado em fevereiro, com uma simulação de transferência dos habitantes da ilha pela via aquática.

 

O Ineter recomendou a todos os habitantes locais que cubram os alimentos e recipientes de água para que não sejam contaminados pelos agentes poluentes expelidos pelo vulcão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.